Reino Unido irá evitar maioria das reuniões da UE a partir de setembro

Os funcionários britânicos irão parar de comparecer às reuniões da União Europeia a partir de 1° de setembro, assistindo apenas as que se referem a assuntos de interesse nacional, como segurança, segundo anúncio feito hoje (20) pelo governo de Boris Johnson.

De acordo com o ministério do Brexit, o tempo gasto preparando reuniões em Bruxelas pode ser melhor utilizado preparando o país para deixar a UE em 31 de outubro. “Esta decisão não tem a intenção de impedir o funcionamento da UE. A votação do Reino Unido será delegada de forma a não obstruir os assuntos em andamento dos 27 membros restantes da UE”, afirma o ministério em nota.

Com informações do Metro1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *